14 agosto 2019

14 agosto 2019

O que incluir (e o que deixar de fora) no primeiro CV


Precisa montar o primeiro currículo, mas não tem experiência profissional ou não sabe por onde começar? Separamos dicas para deixar essa tarefa menos complicada. Vem ver!


1. Comece pelo começo
Estruture seu CV escrevendo as informações básicas: dados pessoais (nome, idade, endereço, contatos) e objetivo na empresa - destacando o cargo ou a área do seu interesse - formação acadêmica e cursos que tenha feito.



2. Seja verdadeiro
É aquele ditado: mentira tem perna curta. No começo não é fácil montar o currículo, mas você pode perder a vaga ou ficar queimado na empresa se incluir informações falsas, como experiências anteriores ou fluência em alguma língua. Sem falar que o recrutador pode descobrir tudo facilmente durante a entrevista ou um teste prático. Honestidade acima de tudo.



3. Inclua seus cursos
Cursos livres durante o Ensino Médio, aquelas aulas de inglês ou espanhol, oficinas que você está participando ou participou durante a faculdade, tudo tem potencial para estar no seu CV. Apenas fique de olho e veja se seus cursos têm a ver com a vaga pretendida.



4. Destaque as suas experiências
Realizou trabalho voluntário? Ajudou um parente em um negócio? Tudo pode entrar como experiência. Nesse primeiro momento, os recrutadores vão querer saber quem você é e essas vivências podem parecer pequenas, mas mostram muito quem você é.


5. Seja objetivo e direto
O ideal é que o CV não ultrapasse duas páginas, seja sucinto e dinâmico.


6. Revise o currículo
Leia e releia o que acabou de escrever, se preciso peça a um amigo olhar também. Um CV com erros de português, por exemplo, é descartado logo de cara.


7. Pense num design diferente
Tem várias ferramentas e apps que já têm um template pronto para montar CVs diferentões. Se jogue na criatividade, isso fará com que você se destaque.


Boa sorte!
Leia Mais >>

07 agosto 2019

07 agosto 2019

Erros comuns de recém-formados (e como evitá-los)


O misto de animação e receio pela fase que começa logo depois da faculdade é quase que unanimidade entre os jovens profissionais. Porém, neste momento, alguns errinhos podem estar sendo cometidos. Veja quais são e como contorná-los:


1. Deixar o network para depois.
É através desse contato que podem haver indicações para vagas de trabalho.


Estou fazendo networking!


2. Ser impaciente.

Foque sempre em executar seu trabalho da melhor maneira possível, que o reconhecimento virá.



3. Achar que você sabe mais do que os outros.


Alguém que não tem curso superior, mas tem muita experiência, pode saber muito mais que você.


Espero que não soe arrogante…


… mas eu sou o melhor aqui.

4. Não saber ouvir os mais experientes.

Observe seus colegas e aprenda com a experiência deles.



5. Não observar o ambiente de trabalho

Observe a maneira como seus colegas de trabalho se vestem e os costumes da empresa.

Leia Mais >>