06 setembro 2018

06 setembro 2018

A proatividade vai mudar sua rotina!


“Procuramos profissionais proativos para ajudar no desenvolvimento da empresa”: com certeza, você já deve ter ouvido alguma coisa parecida com isso em entrevistas de emprego, né? E o que, afinal, significa proatividade?
Essa qualidade está presente naquela pessoa que sempre parece ser a energia do trabalho em grupo, por exemplo, ou aquela que sempre dá várias ideias legais sobre tópicos diferentes.
Aqui entre nós: essa é uma característica que pode ser desenvolvida e até treinada. Ficou interessado? Então já pode começar anotando essas dicas, elas servem pra faculdade, escola, estágio, emprego e onde mais você quiser!


1. Saiba no que você é bom e no que pode melhorar.
Para isso, é necessário um pouco de autoconhecimento e sinceridade. Talvez você até tenha uma ideia de tarefas que consegue realizar muito bem, e nessa hora, vale ficar perto das pessoas que considera talentosas: quem sabe além de aprender algo novo, você ajuda um colega?


2. Organize suas tarefas.
No primeiro momento, talvez dê vontade de fazer tudo ao mesmo tempo, mas não é por aí, estudante. Tenha um lugar para anotar todas as tarefas, por dia, semana ou mês, o que preferir, e separe um pouco mais do tempo que acha necessário para realizá-las. Assim, se acontecer algum imprevisto, terá um tempo para contorná-lo.


3. Faça pausas produtivas.
Mesmo que você esteja com um tempinho sobrando e cansado do mesmo tema, não disperse totalmente. Quando você se envolve com o projeto, é mais fácil focar. Por isso, o melhor a fazer nessa hora é buscar outras referências e inspirações, assim, você se distraí um pouco e ainda encontra maneiras de melhorar o trabalho.


4. Tome a iniciativa.
A primeira regra da proatividade é antecipar soluções e entregar qualquer trabalho do melhor jeito que conseguir. Por isso, invista em atitudes que vão além do esperado.


5. Encare críticas como oportunidade de surpreender.
Nem sempre as coisas acontecem como o esperado, né? Mas não deixe que isso te desmotive. Aproveite para analisar a situação e aprender com os erros. Todo o feedback é importante para alcançar o máximo de seu potencial.


6. Por último: comemore todas as pequenas vitórias!
Afinal, você merece! Adquirir um hábito não é fácil, valorize o que fez até agora. O momento é de entender que cada etapa será mais fácil quando conseguir pegar a prática. ;)