19 setembro 2017

19 setembro 2017

Como fazer um seminário nota 10

Você mal chegou na faculdade e o professor joga o desafio: um seminário para o semestre. Em algum momento você já ouviu falar desse tipo de trabalho, mas o que ele exige?

Relaxa! A gente pode te ajudar explicando o que é e como desenvolver esse formato. Olha só:


1. Junte o time

Por mais que passar tempo entre os amigos seja divertido, nossa sugestão é escolher aquele pessoal que combina com sua forma de estudo: os mais organizados, os mais criativos, aqueles empenhados, os super focados ou seja qual for seu jeito! Confiar nos membros da sua "equipe" é o primeiro passo para desenvolver um trabalho de nota máxima.

2. Saiba o tema

Assim que vocês receberem a tarefa, tire qualquer dúvida que ficou com o professor ou orientador. Não leve para casa uma questão que pode ser resolvida 5 minutos depois da aula, facilitando todo o desenvolvimento do projeto. Depois de saber o que vai ser preciso estudar, divida as tarefas entre os integrantes e mãos à obra!

3. Mergulhe na pesquisa

Nunca dependa de uma única fonte de pesquisa. Livros e artigos são sempre confiáveis, já os sites pedem uma verificação mais aprofundada do conteúdo. Para deixar o trabalho cada vez mais completo, é importante que todos os pontos de vista e vertentes sejam estudados até uma conclusão ser desenhada.

4. Simplifique e aprofunde

Reunidas todas as informações necessárias, é hora de juntar o grupo e decidir quais informações ficam e quais serão descartadas. Por mais completo que seu estudo seja, simplifique todas as explicações: uma pessoa que nunca ouviu falar desse assunto deve ser capaz de ler o trabalho e entender sobre o que se trata.

5. Crie a apresentação

O escolhido para apresentar o trabalho para a classe deve saber falar com clareza em público e conhecer bem o conteúdo. Até duas pessoas podem dividir essa tarefa, se o conteúdo for longo, por exemplo. Como apoio, slides minimalistas, visuais e intuitivos ajudam (e muito) o entendimento de quem está assistindo. Dica: não deixe esse planejamento para a última hora!

Viu? Não é tão difícil assim. ☺ Para mais dicas, acompanhe o blog!