08 agosto 2017

08 agosto 2017

Pessoas inovativas: conheça seus hábitos secretos!

"Só quem é louco o bastante para querer mudar o mundo pode, de fato, transformá-lo". Quem nunca ouviu essa frase e se sentiu inspirado a mudar o rumo da própria vida?


Todos os dias, pessoas em diferentes lugares confiam em suas ideias e propõem mudanças, sejam elas pequenas ou grandes, globais ou pessoais. Mas como funciona a mente de alguém que respira inovação? Separamos os principais hábitos que estimulam o cérebro a expandir com novas ideias:

1. Controlam o ego


Não é nada fácil segurar alguns impulsos: a tendência de colocar importância só na própria opinião, de dar valor apenas aos bens materiais, de comparar suas experiências com a dos outros, entre outros. Esses comportamentos são limitantes e, para alguém criativo, podem prejudicar a imaginação. Ficar atento aos próprios pensamentos é o primeiro passo para se afastar do egocentrismo.


2. Treinam a empatia


Olhar o mundo pela perspectiva das pessoas ao seu redor é essencial para quem quer expandir a mente. Não se limite à sua zona de conforto: aventure-se pela realidade daqueles com opiniões, vivência e valores diferentes dos seus. A empatia vai ajuda-lo a entender o outro sem restrições.


3. Arriscam-se


Quem inova passa longe do conforto! Criar é ter o risco de talvez dar certo, talvez não. Para evoluir, é preciso criar coragem para enfrentar as próprias batalhas e poder dar um tiro no escuro, sem o objetivo de acertar, mas de tentar. Assuma suas ideias e exponha isso com quem confia.


4. Nutrem a curiosidade

Pessoas inovativas nunca se satisfazem com a quantidade de inteligência e informação que possuem. Por isso, estão sempre a procura de novas experiências, questionando situações, descobrindo o inusitado. Quanto mais aprendem, mais referências possuem para continuar a criar e desenvolver seus projetos. A curiosidade move seus pensamentos!


5. São otimistas


Acreditar é a palavra principal. Ser otimista, para alguém que pensa além do hoje, é entender o percurso das ações e acreditar que tudo se encaixa, sem medo da rejeição. Isso também vale para ver um lado bom de tudo, independente do quão ruim a situação esteja.