16 fevereiro 2017

16 fevereiro 2017

O que esperar do último ano de faculdade?

A graduação passa mais rápido do que parece: em um momento, você está aproveitando as novidades do primeiro ano, e no próximo, aparentemente, já está fazendo o TCC.



Se você é formando em 2017, parabéns! E saiba desde já o que você pode esperar dos últimos meses como universitário:

1- A corrida pelas horas complementares

É normal deixar algumas atividades para o final. Se não entregou seus certificados nos anos anteriores, é sua última chance de completar as horas que faltam. Aproveite o momento para rechear o currículo. Você encontra muitas opções aqui: http://bit.ly/2khshAY

2- As últimas provas

Existem dois tipos de alunos: aqueles que mal podem esperar pela última avaliação de suas vidas e aqueles que abraçam a nostalgia do momento. Por maior que seja o seu alívio, é inevitável sentir-se feliz pensando nas primeiras provas e como o seu método de estudo melhorou ao longo dos anos!

3- O famoso TCC


Todos já ouviram falar dele, o famoso Trabalho de Conclusão de Curso. É nessa hora que você colocará à prova seu conhecimento teórico, prático e de trabalho em equipe. Organize seu tempo, escolha um orientador com o qual você se identifica e tenha fé no seu trabalho.

4- As despedidas

É impossível escapar do adeus. Serão os últimos meses do lado de colegas, amigos, professores e coordenadores. Mas colocar um fim nesse ciclo não quer dizer que você vai perder o contato com eles: as redes sociais estão aí para continuar com essa amizade.

5- O "e agora?"

Essa pergunta estará constantemente em sua cabeça: quais serão os próximos passos? Novas metas, novos desafios, novos objetivos? Liste tudo que você quer fazer depois de formado e trace um plano. As opções são variadas: intercâmbios, pós-graduação, especializações, outras faculdades… Só depende de você!

Respire fundo, prepare a mochila e enfrente! Prepare-se para experimentar a melhor fase como universitário. :)

Fonte das imagens: Giphy
Leia Mais >>

10 fevereiro 2017

10 fevereiro 2017

5 Diferenças entre a Faculdade e o Ensino Médio

Passada a época dos vestibulares e da longa espera pelo resultado positivo, a alegria de poder iniciar a vida universitária é tão grande que as expectativas só aumentam. Como serão as aulas? E os novos amigos? Quais assuntos serão discutidos em aula?


A maioria dos mistérios dessa nova fase você só solucionará quando o ano letivo começar. Enquanto isso, adiantamos algumas das grandes diferenças entre o ensino médio e o superior:

1. A vida acadêmica é mais ativa

Além de se acostumar com matérias diferentes, você enfrentará trabalhos acadêmicos, como seminários, provas - tanto de múltipla escolha como dissertativas - e atividades em grupo. Porém, não se preocupe: com o tempo, você se acostuma com o ritmo.

2. Sua responsabilidade aumenta


Os resultados da faculdade acabam ligando-se com o que você deseja para o futuro. Por isso, é importante atentar-se ao rendimento em sala de aula e ter foco nos estudos! Perceba suas facilidades e dificuldades, tanto como universitário quanto como profissional, e dê o seu melhor.

3. A tecnologia é integrada
A maioria dos professores incentivará constantemente o uso da tecnologia para fins acadêmicos. Computadores, tablets e celulares ajudam nas pesquisas e trazem a notícia em tempo real, enriquecendo as discussões sobre a disciplina em sala de aula.

4. As horas de sono são curtas

Os universitários são os jovens que menos dormem no mundo. Devido a quantidade de atividades, trabalhos e provas feitas, é normal que suas horas de sono reduzam para 7 a 6 horas. É importante que você mantenha uma vida saudável para não prejudicar a saúde durante essa fase, sem esquecer de tomar água, comer muitas frutas e aproveitar os fins de semana para descanso.

5. As apostas são altas

Você nunca esteve tão próximo da carreira que sempre sonhou. Descuidar dos estudos, matar aulas ou não levar a sério um estágio, por exemplo, pode te prejudicar mais do que gostaria. Aproveite o momento para descobrir-se em outros meios, conhecer novas habilidades e começar a desenhar um potencial futuro para si mesmo. Você tem tudo nas mãos!

A partir de agora, viva essa nova experiência intensamente. Só você poderá transformar tudo isso!

Fonte das imagens: Giphy
Leia Mais >>

03 fevereiro 2017

03 fevereiro 2017

Exatas, Biológicas ou Humanas: como escolher?

Você acaba de entrar ou terminar o último ano do ensino médio. Vê seus amigos escolhendo os cursos e prestando os vestibulares. Enquanto isso, nenhuma profissão te chama atenção. A dúvida aparece: o que vou ser daqui para frente?



Fique tranquilo! A maioria dos estudantes têm dificuldade em encontrarem sua carreira dos sonhos. Antes de decidir, é importante saber o que as três grandes áreas, Exatas, Biológicas e Humanas, oferecem, o quanto combinam com você e quais profissões estão incluídas nessas categorias. Separamos as principais características de cada uma delas para te ajudar nesse momento:

Exatas
Se você gosta de números e desafios, está nesse time. Os estudantes de Exatas lidam com problemas matemáticos, testam teorias, usam o raciocínio lógico diariamente e conseguem abstrair situações com facilidade. Nenhum resultado impreciso passa despercebido por eles. Os cursos que se destacam são Ciência da Computação, Engenharia Civil, Matemática e diversos cursos de tecnologia, como Sistemas de Informação.

Biológicas

O meio ambiente e os seres vivos são foco dessa área, que compreende o estudo de cada parte do corpo de um ser, da escala atômica à molecular. Pensa, ainda, na natureza e em como os seres vivos se relacionam com ela. Aqui, quem curte investigar a fundo os mistérios da ciência será bem-vindo. Medicina, Biomedicina, Farmácia e Ciências Biológicas são alguns dos exemplos de carreiras que você pode escolher.

Humanas

Entender como o ser humano pensa, age, sente e se relaciona é a função de quem estuda na área de Humanas. Os cursos requerem criatividade, boa interpretação de texto, poder argumentativo e muita pesquisa. A cultura e o convívio em sociedade fazem parte do dia a dia desses estudantes. Algumas graduações oferecem as opções de bacharelado ou licenciatura, como História, Sociologia, Letras e Artes Visuais, e outras possuem somente o bacharelado, como Direito, Jornalismo, Administração e Ciências Econômicas.


Sabendo o que cada categoria abriga, pesquise sobre as profissões e analise as matérias com as quais você se identifica. Lembre-se: escolher um curso de Humanas não necessariamente livra você de uma aula de Matemática, assim como uma graduação focada em Exatas não deixa de estudar um pouco de Filosofia, por exemplo. As áreas convivem umas com as outras, formando o melhor do aprendizado superior!

Fonte das imagens: Giphy
Leia Mais >>

26 janeiro 2017

26 janeiro 2017

Qual é o intercâmbio perfeito para você?

Seja para aprimorar uma outra língua ou trabalhar em uma área que você nunca imaginou, existem diversos tipos de intercâmbios para universitários e recém-formados pelo mundo todo. Quer descobrir qual experiência é ideal para você? Dá uma olhada!

1. Curso de línguas


É a principal pedida para os intercambistas de primeira viagem, porque proporciona uma imersão que só a vivência fora de seu país pode oferecer. Você pode se desafiar com um idioma totalmente novo ou treinar a fluência. De qualquer forma, é uma boa forma de aproveitar as férias, com os pacotes que duram 30 dias ou menos.

2. Trabalho de verão

Uma boa opção para quem não quer parar os estudos ou prefere uma experiência curta fora do país. O intercâmbio de verão oferece vagas de emprego em hotéis, resorts, lanchonetes e restaurantes nos períodos mais atarefados do ano: as férias! Lá, você conhecerá pessoas do mundo inteiro, aproveitará o lifestyle local e voltará para as aulas com o currículo mais completo.

3. Trabalho Voluntário
De todas as opções, o intercâmbio voluntário é considerado o mais barato e mais gratificante. Os destinos são países que recebem ajuda humanitária, como Índia, África do Sul, Nepal, entre outros. Os trabalhos são focados em educação, esportes, saúde, cuidado ambiental e ações sociais. Além de toda experiência proporcionada, olhar o mundo por outra perspectiva é uma bagagem que você leva para toda a vida.



Pronto para descobrir novos lugares, novas culturas e novas pessoas? Corra atrás do seu intercâmbio perfeito, guarde uma graninha e saia por aí experimentando. O mundo é grande demais para ficar em um lugar só! :)

Fonte das imagens: Giphy
Leia Mais >>

25 janeiro 2017

25 janeiro 2017

5 opções para você começar a fazer Trabalho Voluntário

Como correr atrás de uma experiência bacana e com valor significativo, tanto para o currículo quanto para seu crescimento pessoal? Escolha um trabalho voluntário!

Além de enfrentar diferentes desafios, você conhecerá pessoas e poderá usar suas próprias habilidades para o bem. Veja as áreas que você pode procurar:

1. Ajuda aos animais

Muitas ONGs animais precisam de voluntários que doem ração e remédios, trabalhem em campanhas de adoção, banho e tosa e até dog walker! Que tal conseguir lares amorosos para os pets de sua cidade?

2. Ajuda ao meio-ambiente
As ONGs voltadas ao meio-ambiente estão ligadas com o reflorestamento de matas, minimizando danos ambientais, conservando patrimônios culturais e reerguendo a fauna e a flora brasileira. Os voluntários podem ajudar na elaboração de flyers, eventos, patrocínios e até captação de recursos.

3. Ajuda a pessoas em situação de rua

Em noites frias ou quentes, um cobertor, um prato de comida e um sorriso podem salvar muita gente. Procure saber sobre instituições de arrecadação de roupas e comida para moradores de rua, assim como ações feitas pelas ONGs de sua cidade.

4. Ajuda a idosos

Diversos asilos procuram voluntários para serem ouvintes, contadores de histórias, jogadores de xadrez, palhaços, entregadores de flores, entre outros. Muitos dos residentes não possuem família e só pedem por um pouco de companhia. Que tal reservar um tempinho do seu fim de semana para bater com eles?

5. Ajuda em hospitais

Todo mundo sabe que hospitais não são lugares amigáveis. Crianças, idosos e famílias se reúnem na preocupação, força e determinação para enfrentar os problemas. Qualquer chance de sorrir, gargalhar e se divertir é mais do que bem-vinda, e você pode levar essa felicidade com palhaçadas, piadas, música ou até uma visita de pets!

Seja qual for a ajuda que você quiser (e puder) proporcionar, tire um tempo de sua semana e procure ONGs e instituições em sua cidade. Com certeza você não irá se arrepender!

Fonte das imagens: Giphy
Leia Mais >>