16 novembro 2017

16 novembro 2017

4 sinais de que você precisa equilibrar seu tempo

A vida universitária pode ser um grande dilema: em um momento, você está lutando contra a própria procrastinação para se livrar das matérias acumuladas; no outro, entra de cabeça no cronograma a ponto de esquecer seus amigos, família e sua própria diversão.



Relaxe, estudante. Todos nós temos sonhos a perseguir, metas a cumprir, notas a tirar… E nem por isso sua saúde, tanto física quanto emocional, deve ficar em jogo. Saiba quando tirar um tempo para você com esses sinais:

1. Auto-cobrança sem limites

Você está seguindo seu cronograma? Estudante de acordo com o combinado? Fazendo o seu possível para atingir os resultados? Então, não se preocupe! É importante você encontrar seu limite em suas obrigações, sem levar todo o peso do mundo nas costas.

Dica: fique feliz por cada atividade concluída!


2. Cansaço extremo

Sentir-se cansado vai além de estar com sono. Sabe aquele momento em que você já leu um texto mais de uma vez e ainda assim não conseguiu compreender o conteúdo? Esse é o típico sinal vermelho para pausar os estudos! Fadiga mental, dor de estômago e até dor nos olhos também demonstram que sua saúde precisa de mais atenção.

Dica: esforce-se para beber bastante água durante o dia e manter uma rotina de sono confortável.


3. Perfeccionismo

Na maioria das vezes, não damos valor para nossas próprias conquistas. Ao invés disso, acabamos nos culpando por não atingir um ideal de perfeição: a melhor nota, o melhor trabalho, o status de melhor aluno da turma. Pare e reflita: o que você ganha exigindo tanto de si mesmo?

Dica: estipule metas racionais para a sua semana.


4. Isolamento

A necessidade de passar de ano pode transformar suas prioridades de formas drásticas: sair para relaxar a cabeça com os amigos ou aproveitar uma tarde fora do cronograma parece impossível, por exemplo, deixam de ser opções para um fim de semana pós-estudos. Esse isolamento, por mais que aparente ser positivo, é prejudicial para seu desempenho.

Dica: dê um tempo para si mesmo semanalmente, seja para divertir-se com os amigos ou fazer algo que ame.





Sua vida e sua saúde valem muito! Não tenha medo de pedir ajuda: se precisar, ligue 141 (CVV) para conversar com quem entende do assunto.
Leia Mais >>

09 novembro 2017

09 novembro 2017

Como estudar e trabalhar de forma mais criativa

Você se considera um estudante criativo? Quando criança, nosso mundo é inspirado em nossa imaginação, mas são raros os adultos que cresceram sem deixar essa característica para trás.



Muitas pessoas acreditam que o dom da criatividade é exclusivo àqueles que trabalham com comunicação, design ou artes - mas não se engane! Essas áreas de fato precisam de uma criação ativa e constante, mas todas as outras podem se beneficiar (e muito) com uma perspectiva intuitiva em seus projetos. Até mesmo os estudos, um modelo geralmente fechado, pode ganhar vantagens se feito do seu próprio jeito! Vem ver como fazer isso acontecer:


1. Acredite nas ideias "ruins"


Nenhuma ideia é ruim: o primeiro passo é acreditar em todas as possibilidades que esse pensamento pode gerar. Quando você aceita uma criação de sua mente, você permite que outras ideias continuem fluindo, cada uma delas mais perto do objetivo traçado inicialmente. Por isso, não julgue de primeira! ;)

2. Busque inspiração


Veja filmes em uma língua estrangeira, mude seu caminho para casa, leia sobre um assunto estranho ou conheça um lugar novo em sua cidade. Não são raras as vezes em que ver uma realidade diferente inspira mudanças nas pessoas. Com essas novas bagagens surgem o que chamam de "insights criativos", aquelas ideias que chegam naturalmente.

3. Experimente outro ponto de vista


Sua perspectiva sobre um assunto nem sempre será o suficiente para concluir um trabalho. Compartilhe sua atividade com o colega ao lado, alguém de cargo superior, um funcionário em outro setor, com seus pais e pessoas de diferentes círculos. O ideal é experimentar 3 pontos de vista distintos!


4. Saia do seu lugar


Quando a inspiração fugir, não se frustre. São quinze minutos para respirar fundo que vão ajudar sua mente a voltar a produzir. Então pare, saia de sua cadeira, abra as janelas, coma um chocolate! Tudo vai voltar ao eixo.

5. Tente algo novo


Você sabia que se comprometer a tentar uma prática totalmente nova faz com que você acesse partes inutilizadas do seu cérebro? Quando sobrar tempo, dedique-se a ter experiências novas, por mais que elas te dêem medo. :P

Pronto para dominar o mundo e suas habilidades? Ajude a desmistificar o uso da criatividade no dia a dia e compartilhe com um amigo essas dicas. :D
Leia Mais >>

30 outubro 2017

30 outubro 2017

Como garantir o melhor sono para a rotina do estudante?

A geração atual de novos adultos enfrenta mais dificuldades com o sono do que qualquer outra na história. Quem nunca quis tirar (ou tirou) uma soneca no fundo da sala depois de uma noite mal dormida? Não vale mentir! :P


Por causa da correria do dia a dia, é normal encontrar estudantes com apenas 4 ou 5 horas de descanso. Resultado: o desempenho cai, tanto no trabalho quanto na faculdade, formando um ciclo vicioso. Pensando nisso, vamos te ajudar a melhorar esse hábito noturno. Vem ver o primeiro passo:

1- Celular? Longe da cama!


A luz do celular tem a capacidade de "acordar o cérebro", o que se torna uma barreira na hora de cair no sono, podendo causar até insônia! Antes de se deitar, deixe o celular fora de seu alcance. A parte boa é que, quando o despertador tocar, você precisará levantar para pegá-lo.

2- Durma e acorde sempre no mesmo horário


Construir uma rotina de sono ajuda seu cérebro a criar ciclos. Nosso corpo usa essas horas de descanso para reabastecer hormônios, regenerar células e acelerar o metabolismo e, por isso, a rotina é a escolha mais saudável para manter sua produtividade!


3- Um banho morno pode ajudar


Nos dia que sua cabeça estiver muito agitada antes de dormir, tomar um banho com temperatura amena ajuda a relaxar o corpo e induzir o cérebro ao descanso. Só isso já poupa vários minutos virando e revirando na cama, sem contar o conforto que é ir dormir de banho tomado!

4- Evite jantares pesados


O corpo faz bastante esforço para digerir o que comemos. Quanto mais pesado for o alimento e mais tarde for seu consumo, mais desconforto você vai sentir para dormir. Tente fazer sua última refeição do dia pelo menos 2h antes de deitar, preferindo alimentos mais leves a noite.


5- No escuro é melhor


Um elemento importante da boa noite de sono é um quarto confortável: boa temperatura e mínima iluminação são essenciais! Qualquer desconforto se torna insuportável quando o desafio é relaxar o cérebro.

Pegou as dicas? Bom sono! :)
Leia Mais >>

17 outubro 2017

17 outubro 2017

5 práticas saudáveis para a vida de uma universitária

Outubro chegou e, além de ser um mês mais próximo do final do semestre, é o mês de conscientização do câncer de mama. Hora de dar atenção redobrada à saúde! Esse é o significado dos laços rosas espalhados por aí. :)

Todo mundo sabe que a vida de uma universitária pode ser muito corrida. Com as obrigações do trabalho, da faculdade e da vida social, a saúde acaba ficando para trás na lista de prioridades. Sabendo disso, vamos aproveitar esses 30 dias para relembrar (e colocar em prática) algumas maneiras de cuidar de si mesma. Vem ver:


1. Pratique exercícios físicos


Nunca é tarde para começar a se exercitar! Pode ser em casa, na academia ou treinando um esporte em equipe. São alguns minutos de dedicação diários que, organizados, só vão trazer benefícios para seu dia, como mais foco, energia e alegria.

2. Evite excessos


Para que exagerar? Na hora de curtir com os amigos, todo cuidado é pouco. Dá para relaxar e se divertir sem colocar em risco sua saúde. É importante que você saiba os limites de seu corpo - ele agradecerá por isso!

3. Abuse de tudo que for natural


Frutas, legumes, verduras, grãos e fibras: tá tudo liberado! Quanto mais desses componentes você incluir em sua alimentação, melhor serão os resultados a longo prazo, principalmente junto com uma rotina de exercícios físicos. A dica é: preparar as refeições em casa, do seu jeitinho.

4. Cuide da mente e da alma


Entre um exercício aqui e umas frutas ali, tire um tempo para si mesma. Relaxar a mente com algo que te divirta é fundamental! Assista àquele filme favorito, saia para dançar, ouça as músicas que você mais ama, leia um livro que te prenda a atenção… As opções são infinitas.

5. Vá (sempre!) ao médico


A mais importante das dicas é não negligenciar essas visitas. São eles, os médicos, que poderão te aconselhar sobre a alimentação e os cuidados para seu estilo de vida. Entre uma consulta e outra, você pode fazer o autoexame e se manter atualizada sobre sua saúde.

Gostou? Compartilhe com uma amiga que vai gostar das dicas. :)
Leia Mais >>

10 outubro 2017

10 outubro 2017

4 frases para melhorar sua postura no trabalho

Já percebeu que, muitas vezes, a escolha das palavras em um comentário pode mudar totalmente seu sentido? Esses pequenos mal entendidos, acumulados com o tempo, acabam trazendo desconforto no meio de trabalho.

Se isso já aconteceu e você não sabe como evitar, vamos te ajudar. Escolhemos algumas frases que propõe novas maneiras de abordar o mesmo assunto:

1. "Eu não sei fazer isso" = "Pode me ajudar a fazer isso?"


Em seu primeiro momento como estagiário na empresa, é normal se assustar com a carga de trabalho, suas obrigações e os desafios pela frente. Ao invés de deixar o medo te distanciar da chance de aprender, aproveite para conversar com alguém com mais experiência e pedir ajuda. Além de conhecer a pessoa, você demonstra interesse em entender o processo!

2. "Desculpa por errar" = "Obrigado pela paciência"


Todo mundo comete erros-- e ter consciência sobre eles é muito importante. Porém, na maioria dos casos, desculpar-se pelo o que aconteceu não dá abertura para o crescimento e pode prejudicar sua auto-estima no trabalho. Trocar as "desculpas" por um "obrigado" demonstra ao outro (seu chefe ou colega mais experiente) que você aprecia a atenção. Isso promove reflexão, feedback e até mais ânimo para a relação!

3. "Isso não está certo" = "Podemos conversar?"


Ao perceber que algo não se encaixa, seja em um trabalho de equipe ou algo relacionado a sua área que você ache importante pontuar, tome cuidado ao se pronunciar. Tente conversar com seu superior ou com a pessoa em si para entender o que aconteceu e expôr sua opinião. Você deve ter a liberdade de falar quando algo te incomoda. É só saber dosar as palavras. ;)

4. "Não farei meu trabalho a tempo" = "Gostaria de rever meu cronograma"


Quando você perceber que vai precisar de mais tempo para entregar suas tarefas, converse de imediato com seu gestor. Ao explicar o que aconteceu, ele pode designar alguém para te ajudar, ou até, te aconselhar a reorganizar suas prioridades para que nada saia do controle. Confie nisso: você nunca estará sozinho!

Agora, você deve ficar de olho e observar. Toda hora é hora para melhorar seus discursos e ir trilhando sua vida profissional!
Leia Mais >>